quinta-feira, 10 de janeiro de 2019

Ghosn procurou empréstimo de US $ 30 milhões da Nissan para amigo saudita, dizem fontes

Promotores de Tóquio preparam nova acusação contra executivo de automóveis na sexta-feira


TÓQUIO - O ex-presidente da Nissan, Carlos Ghosn, tentou emprestar cerca de 3 bilhões de ienes (US $ 27,7 milhões a taxas atuais) da montadora em 2009 para um empresário saudita que ajudou Ghosn a cobrir perdas em um acordo de hedge cambial, disseram fontes familiarizadas com a investigação, na quarta-feira.