sábado, 29 de setembro de 2018

1 em 4 mortos em acidentes de transito na Inglaterra estavam sem cinto de segurança

Car rolling crash

Os dados do Departamento de Transportes revelam um impacto chocante da falta de cinturão, já que as mortes relacionadas atingem níveis recordesMais de um quarto das pessoas que morreram em um acidente na estrada durante o ano passado não estavam usando o cinto de segurança, revelou o Departamento de Transportes (DfT).Dados oficiais mostram que 1.793 pessoas morreram nas estradas do Reino Unido em 2017, o mesmo número de mortos em 2016. Destes, 27% não usavam cinto de segurança, acima dos 20% do ano anterior.A multa por não usar o cinto de segurança é de 100 libras, aumentando para 500 libras se o caso for levado ao tribunal. Mas enquanto as penalidades pelo uso de um telefone atrás do volante dobraram recentemente para seis pontos e uma multa de £ 200, contrariando a Regra 99 do Código da Estrada por não usar cinto de segurança, traz uma multa, mas nenhum ponto nas licenças.Um porta-voz do DfT disse que a proporção de pessoas que não usam cinto de segurança é "chocante", acrescentando: "Até uma em cada quatro mortes em um carro poderia ter sido evitada simplesmente conectando-se antes de se mover". O porta-voz acrescentou que o Reino Unido tem “algumas das estradas mais seguras do mundo e estamos sempre procurando formas de torná-las mais seguras”.