sábado, 26 de maio de 2018

Confira os novos modelos de marcas japonesas que chegarão ao Brasil Fonte: Carros

Entre as marcas japonesas, o Yaris sedã será o topo da linha na Toyota, que estará posicionado entre Etios e Corolla



Eficiência aliada à tecnologia. Com esse discurso as fabricanres japonesas cresceram rapidamente no mundo. Anos atrás, bateram recordes de produção superando países tradicionais como os Estados Unidos e a Alemanha. As fábricas japonesas prezam pela qualidade e toda engrenagem funciona perfeitamente. Uma disciplina rigorosa garante que todo planejamento seja cumprido.

O resultado chega ao consumidor e ao redor do mundo marcas como Toyota, Honda, Nissan e Mitsubishi derrubaram gigantes até então intocáveis como Mercedes, Ford e GM. Isso sem falar em Mazda, Subaru, Yamaha, Suzuki e Daihatsu. É uma verdadeira invasão de marcas japonesas .

No Brasil, Toyota e Honda se estabeleceram há mais tempo. Mas as outras entraram pra valer no nosso mercado praticamente nos anos 1990. Elas demoraram, mas não iriam ignorar um país em que só as vendas anuais de novos veículos giram em torno de 2,2 milhões. Agora, elas surgem mais inovadoras do que nunca por aqui.

A Toyota, por exemplo, anunciou investimentos de R$ 1,6 bilhão para a produção da nova linha Yaris na sua fábrica de Sorocaba, no interior paulista. “Estamos crescendo de forma sustentável, aumentando o nosso portfólio”, afirmou Steve Angelo, CEO da Toyota na região.

A linha Yaris será uma das principais novidades do ano no país. A versão top de linha será um sedã. Terá o mesmo motor 1.8 flex do Corolla GLI, com 144/139 cv e torque máximo de 18,6 kgfm/17,7 mkgf, respectivamente com gasolina e etanol. Além de um avançado sistema de controles eletrônicos de estabilidade e tração, virá com 7 airbags,  freios a disco nas quatro rodas, monitoramento de pressão dos pneus e ar-condicionado digital, entre outros itens.


O Toyota Yaris Hatch, com motor 1.5, terá como concorrente principal o Honda Fit
Divulgação
O Toyota Yaris Hatch, com motor 1.5, terá como concorrente principal o Honda Fit
A versão hatch do Yaris terá também linhas e características elegantes. O motor deverá ser o 1.5  com opção de câmbio manual e automático. O Yaris chega no segundo semestre e complementará a linha da marca de automóveis,  posicionando-se entre o Etios e o Corolla.
Falando em Corolla, o carro mais vendido do mundo, a Toyota deverá ter uma versão totalmente nova desse modelo até 2020. Será mais do que uma simples evolução do atual, levando em conta que usará a nova plataforma Toyota New Global Architecture , identificada pela sigla TNGA.


O conceito Auris, mostrado no Salão de Genebra, será a base do novo sedã Corolla 2020
No Salão de Genebra, na Suíça, em março, a Toyota mostrou o conceito Auris, que  certamente antecipa como será o design do sedã médio mais vendido do Brasil.
Também na linha Toyota, a nova geração do crossover RAV4 foi apresentada no Salão de Nova York  em abril. Ele traz novo design e utiliza a chamada plataforma TNGA, que alongou o veículo e diminuiu substancialmente o seu peso.


O RAV4 2019 será lançado no final do ano com um design mais moderno e bem atraente
Divulgação
O RAV4 2019 será lançado no final do ano com um design mais moderno e bem atraente
Nos Estados Unidos começa a ser vendido no início de 2019 com um motor 2.5 litros e câmbio automático, de oito marchas, além de uma versão híbrida com câmbio CVT. No Brasil, deverá estrear em meados do próximo ano. Por enquanto,  está sendo vendida no Brasil a linha RAV4 2018.
A Honda não perde tempo e tem uma nova fábrica pronta para entrar em operação. Recentemente, renovou o hatch Fit, o sedã compacto City e lançou o Civic Si, um esportivo com motor 1.5 turbo, de 240 cv. Já o bem-sucedido SUV HR-V será reestilizado para 2019 e deverá ser apresentado este ano no Brasil no Salão do Automóvel, no São Paulo Expo, entre 8 e 18 de novembro.  
O novo HR-V já foi apresentado no Japão onde é chamado HR-R Vesel. Ele terá nova frente muito parecida com o Civic. Deve manter o motor 1.8 flex, 140 cv e o câmbio automático CVT.


Chamado de Vezel no Japão, o HR-V terá um novo visual dianteiro e segue o estilo adotado no Civic atual
Divulgação
Chamado de Vezel no Japão, o HR-V terá um novo visual dianteiro e segue o estilo adotado no Civic atual

A nova geração do Accord, eleito “Carro do Ano” nos Estados Unidos, está programado para o segundo semestre no Brasil. A Honda mostrou o modelo, que tem nova abordagem de design,  no Salão de Detroit, nos Estados Unidos. Com a sua grade dianteira seguindo o visual da marca, o carro tem perfil lateral levemente curvado assemelhando-se a um cupê. A traseira também ficou elegante sobressaindo as lanternas com formato marcante.

O Accord estará disponível com duas opções de motores turbo: 1.5, com 194 cv e 26,5 kgfm de torque, com câmbio automático CVT ; e outro 2.0 de 255 cv e 37,7 kgfm com caqixa automática de 10 marchas. As marcas japonesas realmente procuram se renovar cada vez mais.


Honda Accord da nova geração muda bastante em relação à versão anterior e adota o estilo de notchback, como no Civic
Divulgação/Honda
Honda Accord da nova geração muda bastante em relação à versão anterior e adota o estilo de notchback, como no Civic