domingo, 17 de dezembro de 2017

Pesquisa da Mazda mostra que pessoas ainda preferem dirigir



A indústria automobilística tem evoluído fortemente na direção de veículos autônomos, capazes de se virar sozinhos para nos levar de um lugar para o outro sem a intervenção do motorista.

Este movimento começou já a alguns anos, eu diria, com carros começando a fazer coisas automaticamente, como acender as luzes quando está escuro, ou acionar os limpadores de para-brisas em caso de chuva, que são funções até comuns nos carros hoje em dia, e certamente apreciados pelos motoristas. Também muito apreciado pelos motoristas é o câmbio automático, tanto que nos USA a maioria dos motoristas nem consegue operar um carro com embreagem. E parece fazer muito sucesso também o tal de assistente de partida em rampa.

Auxílio em controle de tração, freios também são valorizados pelos consumidores. Mas pela pesquisa encomendada pela Mazda junto a Ipsos Mori, que entrevistou 11.008 pessoas no continente europeu mostrou que 71% das pessoas ainda preferem dirigir seus veículos. No Reino Unido, 39% dos respondentes declarou que dirigir está se tornando um prazer esquecido pelas pessoas.

A Mazda talvez seja a única montadora atualmente, com exceção das marcas puramente esportivas, que ainda mostra veículos que valorizam a diversão e o prazer de dirigir.